Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.

PKS Cause falha a partida

Ricardo Oliveira anunciou hoje (quinta-feira, 29 de Julho), que vai ter que adiar a partida para a  Volta ao Mundo com Parkinson 2021/2025, devido a um atraso na homologação da carrinha.

O anúncio foi feito ao princípio da tarde, no Porto Canal, quando Ricardo Oliveira participava no programa “Consultório”, cujo tema era o Parkinson.

“Tinha marcado para o próximo dia 31, a saída. Mas além de não termos ainda a “licença” do IMTT, para podermos circular com a carrinha completamente legalizada e podermos circular em Portugal e, mais importante, no estrangeiro, estamos à espera dessa legalização e também para nos afastarmos um bocadinho do COVID-19, o meu próprio médico disse que não seria correcto, nem sensato sairmos com esta crise. Estar em casa a preparar a carrinha ou ficar em Espanha, ou em França à espera que passe, é melhor ficar em casa.”

Ricardo Oliveira aguarda a homologação da carrinha e, uma vez cumprida essa formalidade, vai fazer um teste em Portugal, antes de cruzar a fronteira e lançar-se à “conquista” de 35 países, rodando mais de 22 mil quilómetros.

Apesar do adiamento, a partida está para breve, cumprindo-se a vontade que Ricardo Oliveira tem em combater e divulgar o Parkinson. Com estes objectvo na mira, vai-se cumprir a Volta ao Mundo com Parkinson 2021/2025.

PKS Cause - Volta ao Mundo com Parkinson 2021/2025 é apoiada por NORS, PRIO, ALANOL, NASAMOTOR, PMC Madeira, WORK VIEW, CADEINOR, CNS, MEDTRONIC, JMSEGUROS, COSTAPAIVA, FOCO CRIATIVO, BERCI e muitos outros que ainda se vão juntar a este projeto. 

PKScause3 Ricardo Oliveira, "motard" confesso, vai usar uma KTM 390 ADV nas deslocações curtas, quando não possível usar a Mercedes Sprinter 317, com que se vai lançar na Volta ao Mundo com Parkinson 2021/2025

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.