Francisco Mora esteve brilhante em Portimão

Depois de um fim-de-semana irrepreensível em termos desportivos, Francisco Mora venceu as quatro corridas e saltou para a o segundo lugar do Campeonato.

Portimão foi o palco da terceira jornada do Campeonato Nacional de Velocidade que o piloto nortenho dominou logo desde as qualificações:“as sessões de qualificação correram muito bem, foram muito discutidas, mas consegui ser o mais rápido, que era o meu objectivo. Estava apostado em ganhar aqui em Portimão, para quebrar a maré de azares que tenho tido e as pole-positions foram o primeiro passo”

Quatro corridas, quatro vitórias. Dificilmente seria possível fazer melhor: "foi um fim-de-semana excelente! O nosso objectivo era ganhar as quatro corridas e efectivamente conseguimos. “

“Sabíamos que ia ser muito complicado, principalmente as corridas da tarde por causa do calor, mas cumprimos o nosso planeamento na primeira corrida e como o Honda, que era o adversário que nos estava a dar mais dificuldades, saiu em último e eu ganhei cerca de 4 segundos nas primeiras voltas. A partir daí foi gerir até ao final.”

“A última corrida, sabíamos que ia ser disputada debaixo de um intenso calor, seria muito complicado para os pneus e foi o que se verificou. O Manuel Gião tinha também um bom set-up e deu-me bastante trabalho, mas felizmente consegui fazer uma corrida bastante certa, com ritmo forte e consistente… Acho que isso foi a chave para ganharmos esta corrida.”

Com este resultado, subiu para a segunda posição da tabela de classificação do CNVT: “estou muito contente e só foi pena não termos feito as 4 voltas mais rápidas, mas ainda assim foram 100 pontos, mais dois das pole-positions e um de uma volta mais rápida.” Rematou Francisco Mora.

portimao mora